sexta-feira, 3 de abril de 2009

Minha página na BioPoética Pernambucana!

JORGE FILÓ
 

Jorge Renato de Menezes nasceu em Recife em 1969. Poeta cordelista e produtor cultural. Viveu a infância entre as cidades de Recife, Tuparetama, São José do Egito e Arcoverde. Nesta última, viveu da adolescência a fase adulta, quando mudou-se para o Recife, onde reside até hoje.  Membro daUnicordel - União dos Cordelistas de Pernambuco. Produtor da banda Vates e Violas. Como gosta de dizer, Jorge Filó é neto, filho, sobrinho, irmão e amigo de poetas e toca sua vida “respirando e transpirando poesia”. É filho de um grande nome da poesia popular nordestina, Manoel Filó, que faz parte da família poética do Pajeú, região do Sertão pernambucano farta em bons poetas e repentistas. Além de escrever cordéis Jorge é um hábil sonetista e escreve seus sonetos sob o pseudônimo ou quem sabe heterônimo de Anacreonte Sordano. Poeta antenado com seu tempo edita com regularidade o blog  No Pé da Parede com o qual se articula na internet e divulga a pluralidade da cena literária nordestina. Transita nas diversas cenas literárias de Recife e foi um dos percussores em unir as manifestações da poesia alternativa e da poesia popular, transitando com igual desenvoltura em eventos culturais dos mais diversos gêneros, tendo seus poemas publicados pelos fanzines alternativos em circulação.

 

Livro:
A igreja do diabo ou a contradição humana - Editora Coqueiro, 2004.

Alguns cordéis:
A medusa moderna ou besta fera da televisão - Editora Coqueiro, 2005;
Dois dedim de prosa entre Jesus e Lampião - Prefeitura do Recife, 2007.

Participação em coletâneas:
Petrus Apostolus Princeps Apostolorum – Um mote santo e algumas sacras glosas – Organizada pelos Autores, 2006;
Amores Perfeitos na Beira do Mar (organizada por Marcos Passos) - Edições Bagaço, 2007.

Em CD
A revolução dos pebas – como recitador, em parceria com a banda Fim de Feira, 2008.

 

Links relacionados:

cardápio de poesia

figura da vez

entrevista

corda virtual:

Quero César Leal me abençoando 
Pra tornar imortal minha geração

NO TERREIRO DA PAZ SALU DESCANSA
SILENCIA A RABECA GENIAL

Samico

 

blog do poeta
nopedaparede.blogspot.com


Constante do site Interpoética


Um comentário:

Kika disse...

oi...meu nome é Jéssica Andriet e estou fazendo uma pequena pesquisa pela web sobre a familia Filó,apesar deu não ter o Filó no nome sou da familia Filó,meu avô materno é Filó,e temos poucas infomções sobre a familia e sua origem.
Se puder me ajudar,falando alguma cosa da sua familia,de onde ela vem,se o sobrenome é Filó mesmo.
Se puder me ajudar ficarei grata
meu email é jessica.andrieta@hotmail.com ou jessica.andrieta@yahoo.com
pode me encontrar no orkut tbm como Kika =]]
abraços