domingo, 25 de novembro de 2007

Parabens poeta e xilografo Marcelo Soares!


Requerimento Selecionado


ESTADO DE PERNAMBUCO
ASSEMBLÉIA LEGISLATIVA
Legislatura 16º Ano 2007

Requerimento Nº 937/2007


Requeremos à Mesa, ouvido o Plenário e cumpridas as formalidades regimentais, que seja consignado na Ata dos trabalhos desta Casa Legislativa um Voto de Aplauso para o Poeta-Popular Marcelo Alves Soares, pelo seu empenho em propagar o ofício do Cordel, tornando-se um dos maiores gravadores do país, autor de vários títulos, inclusive com destaque no Brasil e até mesmo no exterior.

Da decisão desta Casa, e do inteiro teor desta proposição, dê-se conhecimento ao Exmo. Sr. Governador do Estado de Pernambuco, Dr. Eduardo Henrique Accioly Campos, com endereço no Palácio do Campo das Princesas, Praça da República, s/n – Santo Antônio – Recife-PE – CEP 50010-040; ao Exmo. Sr. Secretário Estadual de Educação, Dr. Danilo Jorge de Barros Cabral, com endereço na Rua Siqueira Campos, 304, Santo Antônio, Recife – PE, Cep: 50010-010; ao Exmo. Sr. Secretário Especial de Cultura, Dr. Ariano Vilar Suassuna, com endereço Rua da Aurora, 423, Boa Vista, Recife -PE - CEP: 50050-000; a Ilma. Sra. Presidente Estadual da Fundarpe, Dra. Luciana Azevedo, com endereço na Rua da Aurora, 463/469, Boa Vista, Recife – PE, CEP: 50050-000; ao Exmo. Senhor Prefeito da Cidade de Timbaúba, Dr. Bartolomeu Ferreira de Lima, com endereço na Rua Dr. Acebiades, 276 – Timbaúba-PE, CEP 55870-000 e ao Poeta Popular e Xilogravurista Marcelo Alves Soares, com endereço na Folhetaria Cordel, Rua João Samuel Costa nº 13, Vila da COHAB – Timbaúba-PE, CEP: 55870-000.
Justificativa

Marcelo Alves Soares descende de uma tradicional família de poetas populares e violeiros repentistas.

É filho de um dos mais tradicionais poetas populares de Pernambuco, o lendário repentista e cordelista José Soares, de saudosa memória, e que sempre foi conhecido pelo poeta repórter.

Hoje o filho Marcelo Soares, cultiva a mesma seara do pai e que também já se tornou célebre na sua arte, ora no ofício das xilogravuras ora escrevendo literatura de cordel, sendo autor de mais de 60 títulos de folhetos.

Indiscutivelmente, Marcelo Alves Soares é um dos grandes xilogravuristas e cordelistas, divulgador e conservador das nossas tradições culturais.

Não me canso de ser admirador desses artistas, é tanto que tive a honra de apresentar proposição para que fosse instituído no calendário pernambucano o Dia do Cordelista, cuja Lei nº 12.958 encontra-se em vigor desde 20.12.2005.

Portanto Senhores Parlamentares. Está aqui mais um Voto de Aplauso para um poeta popular pernambucano, e com ele minha alegria por ver oficialmente registrado nesta Assembléia Legislativa, parcela da inteligência, pedaços da alma, filigranas do espírito admirável de um dos maiores cordelistas desta Região, Marcelo Alves Soares.

Antônio Moraes
Deputado

Um comentário:

jhony disse...

Oi sou sobrinho dele, nao sou muito fã de cordel, mas adimiro muito esse tipo de trabalho, mas o que eu acho maravilhoso quando vou a casa dele são os quadros de xilogravura dele são maravilhosos. Parabéns a ele e a vocês por divulgarem o trabalho dessa pessoa maravilhosa, um abraço a todos.